segunda-feira, junho 13, 2005

Ouve...



Ouve apenas o silibar dos meus dedos sobre a areia
modelando na solidão da tarde
os hieróglifos do sol e do vento
na comunhão das horas indecifráveis
que ainda nos cabem...


Foto de efe